Notícias
  • Fique Sócio

Foi publicada hoje (25/06/2015) no Diário Oficial da União a Resolução Nº 1, de 24 de Junho de 2015, que dispõe sobre o sistema de escrituração digital das obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas (“eSocial”).

O uso do eSocial será obrigatório a partir de setembro de 2016 para empregadores que registraram em 2014 faturamento superior a R$ 78 milhões, enquanto que para os demais empregadores, não classificados nesse limite de faturamento, a exigência será obrigatória somente a partir de 2017.
 

Esse cronograma, entretanto, não abrange todas as informações que devem ser prestadas por esses empregadores, uma vez que, a transmissão dos dados sobre ambientes de trabalho, acidente de trabalho, monitoramento da saúde do trabalhador e condições ambientais do trabalho só será obrigatória via eSocial a partir de janeiro de 2017, conforme determina o art. 1º em sua alínea b.
 

Os demais empregadores devem usar o eSocial a partir de janeiro de 2017, para informações gerais, e a partir de julho do mesmo ano para os dados sobre ambiente e acidentes de trabalho e saúde do trabalhador.

O sistema vai unificar o envio de informações pelo empregador ao governo em relação aos seus empregados. Instituído por decreto em dezembro do ano passado, o eSocial padroniza a transmissão, validação, armazenamento e distribuição de dados referentes às obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas dos funcionários.

Leia mais...

Projeto desenvolvido pela Microsoft já formou mais de 100 mil estudantes em todo o país

Goiânia, 23 de junho de 2015 - O rápido crescimento do mercado de tecnologia da informação e a falta de mão de obra qualificada têm preocupado as empresas do setor. De acordo com pesquisa realizada pelo International Data Corporation (IDC), a falta de profissionais para a área foi de 40 mil em 2014 e deve chegar a 117 mil este ano.
 

Como fornecedora de soluções de tecnologia para gestão de RH, a LG lugar de gente sente diretamente o impacto dessa escassez de talentos. Por isso, em parceria com a Microsoft e com o SENAI Fatesg ofereceu o programa Student to Business (S2B) em Goiânia (GO), onde fica a sede da empresa. A iniciativa da Microsoft existe desde 2006 e já capacitou mais de 100 mil estudantes em todo o Brasil, dos quais mais de 10 mil foram inseridos imediatamente no mercado de trabalho. Na última semana, o projeto formou a primeira turma em parceria com a LG.

Leia mais...

AAPSA e RHUMO Consultoria lançaram a Pesquisa Salarial AAPSA 2015, edição que traz vários aspectos inovadores que auxiliarão as organizações na tomada de decisões estratégicas. Segundo o diretor da RHUMO Consultoria, Carlos Menezes, a Pesquisa Salarial 2015 foi estruturada para oferecer informações a respeito do mercado por faixa de faturamento, com quatro mercados fragmentados, permitindo que a empresa se enquadre de acordo com seu faturamento. Outra novidade será a pesquisa por segmento. “Se tivermos no mínimo dez empresas do mesmo segmento participando da pesquisa, essas informações estarão disponíveis”.

Gráficos demonstrativos de posicionamento e dispersão, práticas de remuneração e benefícios do mercado como um todo também constarão na pesquisa oferecida pela RHUMO Consultoria.

Carlos Menezes, diretor da RHUMO Consultoria

Leia mais...

No mundo e no Brasil, a Terceirização é considerada um instrumento moderno de gestão das empresas e dos órgãos públicos.

Sua aplicação insere as organizações na busca de maior produtividade e qualidade na prestação dos serviços, tendo como foco o aumento da competitividade no mercado.
Há muitos anos as organizações brasileiras contratam serviços terceirizados ou especializados.

São mais de 14 milhões e meio de trabalhadores nesta condição.

 

Leia mais...

Quando o tema sobre inclusão de pessoas com deficiência vem à tona algumas questões são comumente levantadas, por exemplo: a dificuldade que as empresas têm em encontrar um profissional qualificado e a alta rotatividade.
Segundo o IBGE, o Censo de 2010 demonstrou que o Brasil tem uma população de 190 milhões de pessoas. Destes 23,9% (45 milhões) com alguma deficiência e 60% em idade economicamente ativa.

De acordo com pesquisa da Unicamp 6 milhões têm perfil para compor a Lei de Quotas que, se cumprida integralmente, empregaria 1 milhão de pessoas com deficiência. Porém, o Brasil cumpre apenas 27% da cota, ou seja, temos 5 milhões e 700 mil pessoas com deficiência disponíveis para uma recolocação dentro dos quesitos da lei de cotas.

 

Luciano Amato, VP de Educação Corporativa e Eventos da AAPSA

Leia mais...


 

Entre os principais objetivos da AAPSA está a geração de conhecimento e relacionamento, assim abrimos espaço nos nossos canais de comunicação, sem custo, para que você apresente CASES que possam agregar valor ao mundo corporativo.

Os cases apresentados poderão ser vistos na TV AAPSA através de entrevistas altamente interativas e também em nosso site. 

 
 

A AAPSA vem, em mais de 50 anos de existência, evoluindo em sintonia constante com o mercado.

 
Nossa missão é fomentar o desenvolvimento corporativo e de pessoas, representando os seus associados na defesa de políticas e práticas de cidadania, sustentabilidade, educação e governança corporativa.
 
Obrigado por visitar o nosso site.

S5 Box

Login

Cadastre-se

*
*
*
*
*
*

Fields marked with an asterisk (*) are required.